Como comprar um imóvel usando Carta de Crédito

O que é uma Carta de Crédito

Saiba como usar a sua carta de crédito
Saiba como usar a sua carta de crédito

É um documento utilizado por consumidores que desejam comprar algum bem. O instrumento não se restringe apenas aos negócios imobiliários.

No Brasil, este mecanismo financeiro é utilizado, por exemplo, no mercado de consórcio. Neste caso, o cliente contemplado recebe uma carta no valor do bem e vai adquiri-lo por conta própria. [Ler mais …]

Financiamento Bancário da Caixa Econômica

Aquisição de imóvel novo através do financiamento bancário

O que é

Com essa linha de financiamento, a Caixa ajuda você e sua família a comprar seu imóvel novo e o seu FGTS pode fazer parte do pagamento. O financiamento é feito pelo Sistema Financeiro de Habitação e tem como garantia a alienação fiduciária. A prestação não pode ser maior que 30% da sua renda familiar bruta.

Para facilitar, utilize o simulador. Ele aponta quais as melhores opções de acordo com o seu perfil e ajuda na sua decisão para escolher o melhor financiamento. Veja a que melhor se encaixa no seu bolso e mãos à obra!

Clique aqui e conheça algumas características do Crédito Imobiliário Caixa. [Ler mais …]

Brasileiros acreditam que os preços de imóveis devem cair nos próximos 12 meses, diz FipeZAP

Brasileiros acreditam que os preços de imóveis devem cair nos próximos 12 meses, diz FipeZAP.

O Raio-X FipeZAP do 2º trimestre deste ano aponta que 58% dos brasileiros que pretendem comprar imóveis nos próximos três meses acreditam que as casas e apartamentos vão ficar mais baratos dentro de um ano. São praticamente seis em cada dez brasileiros que creem na queda dos preços no intervalo de um ano.

O Raio-X FipeZAP do 2º trimestre deste ano aponta que 58% dos brasileiros que pretendem comprar imóveis nos próximos três meses acreditam que as casas e apartamentos vão ficar mais baratos dentro de um ano.

documentos
É uma boa hora para pedir um bom desconto.

São praticamente seis em cada dez brasileiros que creem na queda dos preços no intervalo de um ano. Por outro lado, 16% acreditam que os imóveis vão ficar mais caros dentro de um ano e 26% consideram que as moradias ficarão com o mesmo preço que estão no mesmo período. A pesquisa ouviu 1.871 pessoas entre os dias 6 e 27 de julho. [Ler mais …]